Topo
Quicando

Quicando

Lagosta não quis ser fotografada com Bolsonaro e o embaixador de Israel

Juliana Kataoka

08/07/2019 10h42

Ontem (08), antes do jogo da final da Copa América, o embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley, e o presidente de República Jair Bolsonaro, almoçaram juntos em Brasília.

As pessoas na internet logo repararam que o famoso cemitério, as carcaças de tudo o que a gente não come, estava censurado com manchas pretas!


"Taí um trabalho muito preguiçoso de photoshop para retirar a lagosta".

Outros elementos, que talvez pedissem mais asseio, não foram modificados digitalmente.

A toalha segue cheia de farelo, tem um limão siciliano em cima da mesa, faca suja colocada direto sobre a toalha e DENTRO da cestinha de pão.

A internet começou a se perguntar a quem interessa esconder o conteúdo de uma deliciosa refeição entre compadres?

Mas talvez a lagosta, um dos palpites mais fortes na internet sobre o prato censurado, como alguns membros da delegação de futebol brasileira,  talvez preferisse não ser associada ao presidente da República.

É muito bom quando o governo democrático respeita as diferenças de todos, independente da espécie da qual façam parte!

Veja também:
Todo mundo melhora quando se livra de um embuste, e isso inclui a Seleção

Existe estratégia nos posts do Pavão Misterioso e ela é muito efetiva

O vídeo do nióbio é praticamente um bufê de momentos constrangedores

Sobre as autoras

Juliana Kataoka, jornalista e redatora, trabalhou no BuzzFeed Brasil, em agências de publicidade e outros veículos. Não consegue sair das redes sociais, mas jura que tenta. Redes sociais: Twitter Facebook Instagram
Susana Cristalli, jornalista de formação, redatora de tudo um pouco e tradutora. Moradora da internet, acorda cedo pra varrer a calçada cheia de memes do dia anterior. Redes sociais: Twitter Facebook Instagram

Sobre o Blog

Vamos contar pra você, do nosso jeitinho, as histórias que mais quicaram na internet durante esta semana e que você talvez tenha perdido, ou não.