Topo
Quicando

Quicando

Tem gente se identificando um pouco demais com estes pinguins neozelandeses

Susana Cristalli

13/08/2019 19h29

O Aquário Nacional Nova Zelândia chamou a atenção da imprensa, inclusive brasileira, por ter o costume de eleger o "melhor e pior pinguim do mês".

O Mr Mac roubou peixe da namorada que é quase cega (!) e foi um mau pinguim, enquanto a Dora se apresenta voluntariamente para a pesagem diária! Ótima pinguim!

No Twitter brasileiro, a notícia se espalhou principalmente graças a este tuíte da @lasristg.

É claro que todos os pinguins merecem amor, e os piores do mês são apenas os que aprontaram alguma "maldade" engraçada. Por exemplo o Mo, que não nada o suficiente e fica na cama o tempo todo.

A questão é que, nas respostas ao tuíte, muita gente descobriu que se identifica com os maus pinguins mais do que imaginaria.

As pessoas estão secretamente torcendo pelos pinguins levados (este puxou os pelos da perna de um senhor).

Afinal vilões são sempre muito charmosos.

Mas a Dora já tem até fandom no Brasil.

As pessoas estão se envolvendo nos dramas emocionais dos pinguins.

E até discordando das escolhas do aquário!

Fiquem com mais uma imagem de pinguins para melhorar seu dia.

 

Veja também:

Esse meme só fez sucesso pelo fato de ninguém entendê-lo 

O Vitinho do SUS tirou da UTI a reputação dos estudantes de medicina online 

Estas imagens vêm acompanhadas de som, quer você queira, quer não 

Sobre as autoras

Juliana Kataoka, jornalista e redatora, trabalhou no BuzzFeed Brasil, em agências de publicidade e outros veículos. Não consegue sair das redes sociais, mas jura que tenta. Redes sociais: Twitter Facebook Instagram
Susana Cristalli, jornalista de formação, redatora de tudo um pouco e tradutora. Moradora da internet, acorda cedo pra varrer a calçada cheia de memes do dia anterior. Redes sociais: Twitter Facebook Instagram

Sobre o Blog

Vamos contar pra você, do nosso jeitinho, as histórias que mais quicaram na internet durante esta semana e que você talvez tenha perdido, ou não.