PUBLICIDADE
Topo

Quicando

O post de marca sobre "mães de planta" foi demais pra paciência das pessoas

Susana Cristalli

09/05/2019 14h58

O já tradicional debate anual sobre dar parabéns pra "mãe de pet" no Dia das Mães acaba de ser superado por algo que a gente não esperava. É que, este ano, a marca de calçados Anacapri chegou a um nível um tanto surreal levando a sério a expressão "mãe de planta".

A marca repostou no próprio Instagram o post de uma influenciadora, como parte de uma ação que focava na "maternidade" de coisas que não são realmente filhos. Ou seja, algo que não é maternidade.

A polêmica explodiu tão rápido que a marca quase que imediatamente apagou o post (após pedir desculpas nos comentários) e a influenciadora em questão publicou uma nota de esclarecimento, mas o assunto "mãe de planta" ainda está longe de esmaecer na rede social.

A marca não inventou a expressão "mãe de planta". As pessoas usam com bom humor e a expressão, em si, não está sendo problematizada. Até porque provavelmente ninguém pensou que um dia ela seria usada a sério.

O que está sendo criticado, obviamente, também não é o fato de ter plantas, de gostar muito delas, ou de ter qualquer outra coisa que preencha perfeitamente a vida de quem não tem filhos. Nenhuma mulher é obrigada a querer ser mãe ou a ter o suposto instinto materno. Mas, então, não vamos chamar elas de "mães de algo".

Ser mãe na sociedade vai muito além de simplesmente gostar muito, cuidar e se preocupar por algo ou alguém. Mas claro que, para as marcas, quanto mais gente for público-alvo de suas campanhas melhor, então vale chamar todo mundo de mãe.

A coisa é tão estapafúrdia que, por sorte, a galera logo levou pro lado da piada também.

A mãe do Cebolinha (e provavelmente a do Groot também) está liberada!

Sobre as autoras

Juliana Kataoka, jornalista e redatora, trabalhou no BuzzFeed Brasil, em agências de publicidade e outros veículos. Não consegue sair das redes sociais, mas jura que tenta. Redes sociais: Twitter Facebook Instagram
Susana Cristalli, jornalista de formação, redatora de tudo um pouco e tradutora. Moradora da internet, acorda cedo pra varrer a calçada cheia de memes do dia anterior. Redes sociais: Twitter Facebook Instagram

Sobre o Blog

Vamos contar pra você, do nosso jeitinho, as histórias que mais quicaram na internet durante esta semana e que você talvez tenha perdido, ou não.

Quicando